Captação para o segundo semestre: como a empregabilidade pode auxiliar

Avatar

Instituições de todo o país estão preocupadas com a transição para o segundo semestre. Uma vez que ainda há dúvidas se teremos um semestre letivo totalmente online, ou parcialmente presencial, universidades se preparam para conseguir alcançar suas metas em relação à captação de alunos. O que se sabe é que este será em semestre desafiador para o ensino superior já viu, independentemente do modelo de aulas ser virtual, presencial ou híbrida. 

Enquanto a prioridade até momento foi em fazer os ajustes necessários e buscar a retenção dos alunos já matriculados, também foi o momento da instituição desenvolver um plano de ação, em meio a um cenário no qual o número de ingressantes diminuiu, a evasão e a inadimplência aumentaram.

A empregabilidade vem se mostrando uma ação de destaque no suporte ao aumento na captação de alunos no segundo semestre. Sabendo que a maior preocupação do estudante ao procurar o ensino superior, neste momento, é ter vantagem competitiva na acirrada busca por uma vaga de trabalho, desenvolver ações focadas em empregabilidade vem de encontro a essa necessidade do candidato e do mercado.

Porque trabalhar a empregabilidade no momento da captação

Com os índices de desemprego atingindo cerca de 13 milhões de brasileiros em fevereiro, o tema da empregabilidade se faz cada vez mais necessário na formação dos estudantes.

Um estudo recente do SEMESP diz que “investir na educação superior é a principal alternativa para se manter competitivo diante o cenário de crise econômica tão grave”. Como atestam os dados, a chance de desemprego é quase 50% menor para pessoas com nível superior completo em relação às pessoas com nível fundamental ou médio completos.

No Brasil, onde a taxa de escolarização líquida é bem abaixo da desejada (17,9% contra 33%, de acordo com meta do Plano Nacional de Educação) possuir um curso superior traz muitos benefícios em relação à empregabilidade. Quando a economia vai bem, a disputa por profissionais qualificados eleva a remuneração. Em tempos de crise econômica, ter uma graduação é fundamental para minimizar os riscos do desemprego crescente, uma vez que o número de vagas ofertadas pelas empresas diminui e a concorrência se torna mais acirrada.

Um dos papéis das instituições é acolher seus alunos e ajudá-los a se prepararem para o mercado de trabalho. 

Como fazer da empregabilidade uma forte ferramenta nas estratégias de aquisição de alunos

  1. Apresente dados reais sobre oportunidade de carreira: apresente ao aluno dados que comprovam a realidade de que profissionais com ensino superior possuem menores chances de desemprego e, por muitas vezes, ganham salários maiores. Apresente esses dados por meio de exemplos reais de egressos que obtiveram sucesso no mercado do curso escolhido, destacando qual foi sua trilha de carreira e evolução salarial.
  2. Mantenha um bom relacionamento entre instituições e empresas: fale sobre quais empresas são parceiras da instituição e como esta parceria gera potencial de carreiras para seus alunos. Mantenha um bom relacionamento com os empregadores, ofereça suporte e um espaço para a publicação de oportunidades. Uma excelente estratégia para estreitar os relacionamentos com o empregador é convidá-lo palestrar em webinars e eventos da instituição de ensino.
  3. Crie um ecossistema que viabilize a construção de um plano individual de desenvolvimento: apresente como o projeto de carreiras do aluno é parte da prática institucional e estará presente na vida do aluno em toda a sua jornada acadêmica, desde o primeiro dia de aula.

Como a Symplicity auxilia a instituição na captação no segundo semestre

A Symplicity é a única plataforma do mercado que permite a gestão completa de todos os processos de carreiras de alunos e egressos desde a formação profissional e até o relacionamento com o mercado.

Com o Symplicity CSM a instituição pode gerenciar serviços de orientação, planejamento de carreira, aconselhamento, desenvolvimento de competências e avaliação. A plataforma fornece meios para organizar, gerenciar e acompanhar a evolução por meio de um programa estruturado projetado para conectar currículo e carreira.

Os recursos presentes na plataforma Symplicity CSM, estimulam o protagonismo em sua própria carreira de alunos e egressos e viabilizam o desenvolvimento de suas competências de forma mais planejada e organizada. Além disso, a análise de dados conectada ao acompanhamento profissional, oferece as instituições de ensino meios para avaliar o aluno e a identificar novas oportunidades de captação e de mercado.

A promoção da empregabilidade na instituição de ensino tem alto impacto em como a ela é percebida no mercado. Assim, as práticas sugeridas ajudam a evidenciar o potencial de empregabilidade na fase de captação de novos alunos. 

Nós da Symplicity entendemos como pode ser desafiador começar um projeto de tamanha conjuntura. Por isso, oferecemos às instituições todo o apoio na implementação de um projeto de carreiras, totalmente digitalizado, com visão global do engajamento dos alunos e egressos e dos resultados das ações executadas. Somos especialistas em empregabilidade e queremos ajudar a sua instituição a dar o primeiro passo. Nossa experiência com as maiores instituições do mundo, nos trouxe expertise, bagagem e acesso a boas práticas que podem ser replicadas em outras instituições, de acordo com cada cenário.

Deixe um Comentário